Peeling Químico

peeling

Exposição ao sol, acne e idade podem deixar a pele irregular, enrugada, manchada ou com cicatrizes. Se você quiser que sua pele pareça mais suave e jovem, considere o peeling químico, que utiliza uma solução química para suavizar a textura da pele, removendo as camadas exteriores danificadas.


Embora peelings químicos sejam utilizados principalmente na face, também podem ser usados para melhorar a pele no pescoço e nas mãos.


Os peelings químicos podem ser superficiais, médios e profundos. Os resultados são mais aparentes quanto mais profundos, assim como aumentam também os riscos e o desconforto durante o peeling e no pós-peeling. O peeling profundo só pode ser realizado sob sedação, devido à dor durante o procedimento, enquanto que alguns peelings superficiais são completamente indolores.


Bons resultados podem ser obtidos com vários peelings superficiais seriados, realizados a pequenos intervalos. A descamação subsequente costuma ser fina e não chega a atrapalhar o dia a dia, podendo a pessoa voltar à sua vida normal no dia seguinte. Os peelings superficiais melhoram a textura da pele, clareiam manchas e atenuam rugas finas, além de estimular a renovação do colágeno que dá melhor firmeza à pele.


Dúvidas Frequentes

Preenchimento



Procedimentos

Laser de CO2 Fracionado


    Lipo Enzimática

(Intradermoterapia)


Peeling Quimico


Consulta Dermatológica


Escleroterapia


Rejuvenescimento                            Íntimo


Intradermoterapia                           Capilar


   Pequenas Cirurgias



Melasma


Toxina Botulínica                      Botox


Bioestimuladores